mentiras em entrevistas

Mentiras em entrevistas de emprego

Como identificar mentiras em entrevistas de emprego

Você foi surpreendido com mentiras em entrevistas de emprego? E infelizmente contratou o candidato? Algumas dicas podem facilitar o seu dia a dia e minimizar estas situações.

Como você pode descobrir falsidades antes que elas levem a uma contratação da qual você se arrependerá? Aqui estão algumas etapas:

Verifique as referências

Parece óbvio, mas muitos empregadores não se incomodam em pedir referências ou, se o fizerem, não se preocupem em ligar para elas. Não importa o quanto o candidato preencha a vaga, comece solicitando e contatando referências. Mentir sobre datas de emprego, cargos ou responsabilidades é comum. Algumas pessoas até inventam empregadores falsos.

Obtenha o cargo e datas de atuação

Ex-empregadores muitas vezes não estão dispostos a dar detalhes sobre o desempenho no trabalho de um candidato por medo de uma ação judicial. No entanto, eles confirmarão o (s) cargo (s)  de um ex-funcionário e as datas de emprego. Você também pode confirmar o histórico de salário anterior.

Verifique o histórico educacional

O candidato realmente frequentou a escola? Em caso afirmativo, eles completaram o grau ou certificação? Alguns candidatos a emprego usam diplomas insignificantes de “fábricas de diplomas” para parecerem mais qualificados. Por isso, se você nunca ouviu falar da alma mater de um candidato, certifique-se de que é legítimo. Como você pode verificar a educação? Exija o comprovante de conclusão do candidato.

Confira na mídia social

Um pouco de investigação nas mídias sociais pode revelar discrepâncias no histórico de trabalho da pessoa ou em reivindicações educacionais. De acordo com uma pesquisa feita pela CareerBuilder, 70% dos empregadores usam as mídias sociais para selecionar os candidatos. Se o candidato a emprego tiver um perfil no LinkedIn, por exemplo, verifique se ele suporta as mesmas informações em seu currículo.

Use seu bom senso

Se as informações  de um candidato parecerem vagas ou duvidosas durante a entrevista de emprego, sonde mais profundamente para obter detalhes específicos. Um estudo científico descobriu que explicar um trabalho em termos vagos e gerais durante a entrevista – “Foi realmente ótimo” – pode ser um sinal de que uma pessoa está mentindo. Preste atenção à linguagem corporal. Se você não é bom nisso, faça uma entrevista em equipe com alguém da sua equipe que esteja mais sintonizado com as pessoas.

Realize uma verificação de antecedentes.

Como as verificações de antecedentes custam dinheiro, muitos pequenos empresários relutam em ir tão longe. Mas fazer algum trabalho avançado pode proteger sua empresa de problemas futuros. As verificações de antecedentes são especialmente valiosas para trabalhos que envolvem manusear dinheiro, trabalhar com crianças ou supervisionar dados confidenciais. Contudo a boa notícia é que você não precisa fazer uma verificação de antecedentes até que esteja pronto para fazer uma oferta de emprego.

Então, gostou das dicas? Tente usá-las para diminuir as mentiras em entrevistas de emprego.

Fique por dentro de outros temas clicando aqui

Quer seguir nossas páginas nas redes sociais?

LinkedInclique aqui

Facebookclique aqui

Compartilhe este post